Para Passar O Tempo 31

Para passar o
tempo

 Gente, a semana passou muito rápido! Mas aqui estou eu. 

Ia fazer esse post com todos os livros que eu li essa semana, mas resolvi que vou indicar um livro só e na semana que vem faço outro post com outros 3 que tem +/- o mesmo gênero, e na próxima o último. Se não ia ficar meio bagunça… E o filme vai sair no começo dessa semana, e um na semana que vem. 

Sem mais delongas: Desaparecido Para Sempre

Não tenho certeza se eu entendi o título depois de tudo, mas ok… Vamos a uma breve opinião pessoal: 

Peguei o livro pra ler e passei por umas 20 páginas antes de ficar muito entediada (e a novela das 18 h tinha começado também) e largar. Pensei seriamente em deixar pra lá, já que não tinha me empolgado. Mas no dia seguinte eu peguei pra ler antes de dormir e conclui. Que sorte! 

O livro é meio um suspense, algum aspecto policial, e um bocadinho de romance. Até a metade do livro eu estava confusa, porque não tenho costume de ler esse tipo de livro, e meu pensamento lógico é bem devagar. Daí, na segunda metade é quando tudo fica mais interessante (pra mim) e muitas reviravoltas acontecem! Toda hora que eu estava certa de saber como ia acabar, me surpreendia. O personagem principal é meio um bobão na minha opinião… Uma boa pessoa, e tudo o mais, mas não vai entrar pra minha lista de preferidos. O irmão dele, Ken, e o Fantasma, por outro lado, totalmente fizeram com que eu me apegasse. Especialmente o Fantasma, o que me faz concluir que eu tenho sérios problemas psicológicos e uma tendência estranha a tentar compreender e acreditar a todo custo que exista um pingo de humanidade em pessoas seriamente perturbadas. 

O livro tem um enredo interessante, personagens bem desenvolvidos e profundos, muitas coisas inesperadas acontecem, o final é muito emocionante, tem drama e revelações na medida certa, nada é posto só pra causar. Acho uma leitura muito válida! 

Sinopse:

No leito de morte, a mãe de Will Klein lhe faz uma revelação: seu irmão mais velho, Ken, desaparecido há 11 anos e acusado do assassinato de sua vizinha Julie Miller, estaria vivo. Embora a polícia o considere um fugitivo, a família sempre acreditou em sua inocência. Ainda aturdido por essa descoberta e tentando entender o que realmente aconteceu com seu irmão, Will se depara com outro mistério: Sheila, seu grande amor, some de repente, e o FBI suspeita do envolvimento dela no assassinato de dois homens. Apesar de estarem juntos há quase um ano, Sheila nunca revelou muito sobre o seu passado.

  
É isso aí, antes tarde do que nunca, hahaha. Se vocês já leram, me contem se gostaram, se não leram, dêem uma chance. 

E ah, obrigada à Thamires do blog Luxo Comum por me emprestar livros suficientes pra uma vida inteira. Tem noção do que é você desembalar os livros antes mesmo da pessoa que comprou? Hahaha 

Até o próximo post! 

Carolina Alves. 

Para Passar o Tempo 30

Oi pessoal!

Hoje vou indicar uma série de livros MUITO boa, e muito longa também hahaha. São 12 livros ao todo! Mas você vai desejar que fosse o dobro quando o último acaba. Todas as histórias são muito legais, e em nenhum momento parece que o autor quis ficar enrolando pra não acabar (leia-se ganhar mais dinheiro). Estou falando da série Rangers – Ordem dos Arqueiros.

Conhecem? Se sim, deixe nos comentários o que acharam, se não, continuem com a gente!

A série acompanha Will, um jovem com o sonho de ser um guerreiro, mas que acaba tomando outro rumo na vida. Conhecemos ele com 15 anos, e no último livro ele já está numa idade adulta, provavelmente uns 30 e poucos, então acompanhamos várias fases da sua vida e a de seus amigos. Isso eu achei muito bom. Como são 12 livros, não vou deixar a sinopse de todos pois se não o post vai ficar gigantesco, mas deixarei a do 1º livro e se vocês se interessarem é só procurar as outras.

Sinopse: Durante a vida inteira, o pequeno e frágil Will sonhou em ser um forte e bravo guerreiro, como o pai, que ele nunca conheceu. Por isso, ficou arrasado quando não conseguiu entrar para a Escola de Guerra. A partir daí, sua vida tomou um rumo inesperado: ele se tornou o aprendiz de Halt, o misterioso arqueiro, que muitos acreditam ter habilidades que só podem ser resultado de alguma feitiçaria. Relutante, Will aprendeu a usar as armas secretas dos arqueiros: o arco, a flecha, uma capa manchada e… um pequeno pônei muito teimoso. Podem não ser a espada e o cavalo que ele desejava, mas foi com eles que Will e Halt partiram em uma perigosa missão: impedir o assassinato do rei. Essa será uma viagem de descobertas e aventuras fantásticas, na qual Will aprenderá que as armas dos arqueiros são muito mais valiosas do que ele imaginava.

(Eu acho os livros de papel de Rangers lindos, as folhas, o papel, são de ótima qualidade. Mas se você não tiver dinheiro pra comprar os livros nesse momento, você pode ler no Blog Livros On-line.)

Carolina Alves

__________________

Vocês também podem acompanhar o meu livro pelo site/aplicativo do Wattpad! Meu nome de usuário é carolobo, e eu vou adorar saber o que vocês acham sobre ele ;)

Novidade

Oi pessoal!

Tenho tentado convencer Isabella a postar um “Para passar o tempo” novo, mas a menina é preguiçosa, hahaha. Enquanto ela me enrola, eu vim aqui pra fazer um comunicado pra vocês.

Eu já disse antes num post (e também na descrição da minha foto do blog) o quanto eu gostaria de publicar um livro. Tenho alguns escritos, mas só um terminado. De qualquer forma, sempre tive medo de publicar na internet por várias paranoias da minha cabeça, entretanto, isso chegou ao fim.

Fiz uma conta num aplicativo chamado Wattpad – que é um aplicativo para leitores e escritores (inclusive, você já pode ter ouvido falar sobre algum autor que surgiu de lá, vide a Anna Todd) – e comecei a postar minha mais nova criação. Resolvi começar a escrever um livro especificamente para postar lá ao invés de postar algum velho, porque ainda tenho muitas coisas pra mudar sobre eles. Então, se vocês quiserem conhecer meu livro – e avaliar se eu sirvo pra isso, hahaha – vocês só precisam fazer uma conta no Wattpad para ler o livro (acho que não dá pra ler sem ter a conta).

Estou animada! Se vocês entrarem no aplicativo, me sigam por lá, meu nome de usuário é carolobo e o nome da minha história é Broken – Um Rosto Bonito Não Cobre Um Coração Feio. E se você também gosta de escrever, aproveite e coloque a sua história por lá também! E me mande o link ;)

Vou deixar a sinopse do livro, espero que gostem e quem sabe acompanhem!

Amor, quando cheio de mágoa vira o oposto de um sentimento. É uma tragédia.

Anna e Barbra são duas irmãs com muitas diferenças em suas personalidades. A primeira está disposta a tudo que a vida tem para oferecer – e ela não em a intenção de esconder seu verdadeiro eu, o que faz com que as pessoas a amem, mesmo com as palavras ácidas. A outra está determinada a ser a melhor pessoa no mundo – então ela age como acredita que as pessoas esperam que ela faça, mesmo que às vezes, no fundo, ela deseje poder ser como a irmã: livre.

Essa é uma história sobre inveja, ressentimento, e um então chamado legítimo direito de vingança. Alguns podem dizer que não existe tal coisa como uma pessoa completamente má ou boa, e essas irmãs provarão ser verdade. Como você se sentiria se a aparentemente “vilã” fosse a boa moça, e a boa moça brincasse com seu lado sombrio? Laços de sangue nem sempre contam.

broken4

Beijinhos e torçam pra minha criatividade continuar bem disposta, haha.

Para passar o tempo 29

Olá para vocês que estão curtinho esse friozinho :)

Hoje trago pra vocês uma nova trilogia, que se chama Eva, escrita por Anna Carey e lançada no Brasil pela editora Galera Record.

Sinopse: A guerra dos sexos está apenas começando… No futuro, uma praga mortal aniquilou a população da terra. Homens e mulheres seguem segregados. Os meninos são mandados para campos de trabalho forçado. As meninas, para Escolas onde aprendem uma profissão chave na reconstrução mundial. Mas as aparências enganam… E Eva está prestes a descobrir que a verdade pode ser muito mais terrível do que o vírus que varreu seu país. Está prestes a descobrir que seu futuro pode ser mais parecido com a da primeira mulher a levar seu nome…

Em um mundo distópico, a história se passa no ano de 2032, quando Eva descobre o que realmente acontece depois da formatura das meninas nas escolas, e foge mundo afora. Mesmo sabendo dos perigos e do que deve temer (os homens, com exceção do Rei), ela luta pela sua sobrevivência e percebe que o mundo não é bem como ela aprendeu.

Enquanto o primeiro livro é recheado das aventuras não tão divertidas de Eva e mostrando o lado das pessoas que ela conhece ao longo da sua jornada, o segundo – Uma Vez – nos mostra o lado das pessoas privilegiadas, os sobreviventes da praga e sobre toda a forma de reerguer a sociedade.

Eu achei os livros muito bons, me surpreenderam bastante! Acabei os dois com gostinho de quero mais. Ainda não li o terceiro porque não foi lançado no Brasil, mas estou super curiosa pra saber como termina essa história. A evolução dos personagens é muito interessante, algumas coisas me lembraram Jogos Vorazes (poucas mesmo!!), e a parte romântica dos livros é de cortar o coração.

Super indico essa trilogia, meu namorado soube escolher muito bem quando quis me presentear haha.

Beijinhos!

eva

Para passar o tempo 28

Olá!

O livro que vou indicar hoje é Paperboy, que teve uma adaptação cinematográfica recentemente. Ano passado tinha visto esse livro pra comprar online, mas achei caro. Esses dias estava na fila das Lojas Americanas e o vi por R$ 9,90! Achei que era o destino, hahaha.

O engraçado é que mesmo na época que eu quis comprar, não tinha lido a sinopse. A capa que tinha me interessado. Então quando comprei e comecei a ler eu realmente não sabia do que se tratava, e certamente não tinha imaginado que seria como foi. No começo eu estava começando a me arrepender, porque o cara narrava acontecimentos e eu não conseguia prestar muita atenção, achei o começo meio arrastado. Mas depois de umas 30 páginas, ou um pouco mais, você pega o ritmo e a história começa a ficar interessante.

Não costumo ser boa em escrever sobre livros sem dar spoiler, por isso vou deixar apenas a sinopse e uma breve opinião. Gosto do Jack narrando os eventos, e do ponto de vista dele sobre as coisas. É um personagem ok. Seu irmão ,Ward, eu achei bem intrigante, nunca saberia como conviver com uma pessoa tão reservada. o Yardley, colega jornalista do Ward, eu simplesmente queria socar a cara dele sempre que ele aparecia, especialmente no fim. Sobre a Charlote eu não soube direito o que pensar. Ela pareceu alguém bem ingênua, ao mesmo passo que não era, mas era uma personagem legal. De uma forma geral, todos os personagens e os relacionamentos entre eles, foram muito bem construídos. Isso é uma coisa que eu gosto em um livro, às vezes você tem uma história legal, cheia de personagens rasos, e isso compromete muito. Mas Paperboy tem tanto a história, quanto os personagens, numa profundidade incontestável. Acho que é uma boa indicação de livro, especialmente pelo o que acontece com os personagens ao decorrer dele, e para observarmos o que as pessoas são capazes de fazer, e o que as destrói.

ThePaperboy_livro

Sinopse: Hillary Van Wetter foi preso pelo homicídio de um xerife sem escrúpulos e está, agora, aguardando no corredor da morte. Enquanto espera pela sentença final, Van Wetter recebe cartas da atraente Charlotte Bless, que está determinada a libertá-lo para que eles possam se casar. Bless tentará provar a inocência de Wetter conquistando o apoio de dois repórteres investigativos de um jornal de Miami: o ambicioso Yardley Acheman e o ingênuo e obsessivo Ward James.

As provas contra Wetter são inconsistentes e os escritores estão confiantes de que, se conseguirem expor Wetter como vítima de uma justiça caipira e racista, sua história será aclamada no mundo jornalístico. No entanto, histórias mal contadas e fatos falsificados levarão Jack James, o irmão mais novo de Ward, a fazer uma investigação por conta própria. Uma investigação que dará conta de um mundo que se sustenta sobre mentiras e segredos torpes.

Best-seller do The New York Times, Paperboy é um romance gótico sobre a vida aparentemente sossegada das cidades do interior. Um thriller tenso até a última linha, que fala de corrupção e violência, mas que, ao mesmo tempo, promove uma lição de ética.

Para passar o tempo 27

Oi pessoal! O que vocês andam lendo?

Faz tempos que não compro um livro, estou em depressão, haha. Ontem foi um dia de muito tédio e como não queria reler nenhum dos meus, acabei me lembrando de um dos livros que colocamos como opção pro sorteio que teve aqui no blog, A Herdeira, e fui procurar sobre. Acontece de ser uma série de 4 livros (mas pelo final do 4 é óbvio que terão mais), e resolvi dar uma chance.

A Seleção, o primeiro deles, não me surpreendeu muito, foi um livro legal, mas não teve muita emoção. Em A Elite, as coisas ficam um pouco mais agitadas, como as personagens foram reduzidas pelo fato de terem sido eliminadas pelo príncipe Maxon da seleção, você foca melhor mas que sobraram, mas eu fiquei um pouco desapontada na parte romântica, embora eu gostasse das duas opções que a America tinha, com a que ela de fato escolheu, já que o outro era tão querido também. Em A Escolha coisas bem tristes acontecem, mas talvez tenha sido meu livro favorito da série. Vou confessar que o Maxon ganhou minha simpatia na primeira vez que ele e a America se encontraram, depois eu achava ele um saco, mas em A Escolha acho que ele foi redimido.

Tirando isso, os livros são bem leves, e embora a protagonista seja chatinha (e muito precipitada) de vez em quando, é alguém pra quem você torce. Diferente da filha dela. Meu Deus, me perdoem fãs de A Herdeira (eu não consigo nem lembrar o nome da menina), mas ela é tão diferente, pra pior, da America, que lendo me questionei por qual motivo a autora tinha continuado a série. Mas lá pro meio do livro ela fica mais humanizada, e acredito que com algum esforço até torcerei por ela no próximo livro.

Apesar de serem livros completamente diferentes, e eu não sei qual dos dois saiu primeiro, então me corrijam se a ordem for inversa, eu meio que identifiquei algumas coisas semelhantes com a estrutura de Jogos Vorazes, como o sistema de casta (distritos), a seleção onde cada uma de uma província era escolhida para no fim sobrar apenas a vencedora (embora ninguém morra pra ser eliminada), o fato da America e a irmã serem muito apegadas, e os conflitos que o povo estava tendo, provocando várias rebeliões com rebeldes e de repente a America se tornar um modelo para o povo… Enfim, como eu disse, não sei qual das duas saiu primeiro, e não acho que as coisas tenham sido copiadas, apenas são semelhanças que identifiquei por já ter lido a outra saga. Mas como eu disse, as histórias são completamente diferentes, então essas semelhanças na estrutura são basicamente a única coisa que pode ser comparada.

De qualquer forma, achei os livros bem legais, fazia tempo que não me interessava por uma saga. Se vocês já leram, me contém o que acharam! Se não, fica a dica pra adicionar a sua lista de leitura! Acho que vale a pena ler, é uma história interessante, apesar das capas passarem um ar não tão atrativo, ou algo do tipo. ;)

Carolina Alves

Resultado do sorteio

Oi pessoal!

Gostaríamos de agradecer a todos pela participação no sorteio! Como vocês sabem o livro era A Teoria de Tudo. Sorteamos com o random.org e o ganhador foi Jonathas Pereira Marques. Parabéns ao sorteado, entraremos em contato.

Esperamos fazer novos sorteios aqui no blog, então se você não foi sorteado dessa vez não desanime, e boa sorte na próxima!

Carolina e Isabella.